10349064_733011000126703_2312211193329824395_n

Um estudo publicado no Informativo da Cendo Vascular mostra a eficácia da Membracel no tratamento de feridas de diabéticos. A acadêmica de enfermagem, Poliana de Barros, com orientação do professor Dr. Guilherme Pitta, analisou o uso da membrana em um caso de obstrução arterial crônica de membro inferior, com excelentes resultados.

De acordo com o estudo a membrana se mostrou eficiente na prevenção e curativos em feridas resultantes da perda do epitélio com potencial de infecção, em especial a caracterizada por ferimentos com exsudação. Os resultados observados foram a diminuição da dor, reepitelização e regeneração tecidual. Entre as vantagens da Membracel em relação a outros curativos, o trabalho ressaltou a facilidade de aplicação e a possibilidade de troca do curativo secundário – essa possibilitando o acompanhamento visual do processo cicatrical das lesões.

COMENTE ESTA PUBLICAÇÃO