Estudo recente realizado pelo Imperial College de Londres, na Grã-Bretanha identificou que, caso conseguíssemos reduzir os seis principais fatores de risco para diversas doenças – tabagismo, álcool, pressão alta, consumo excessivo de sódio, altos níveis de açúcar no sangue e obesidade – seria possível evitar cerca de 37 milhões de mortes até 2025. Esses são os principais fatores de risco para algumas doenças não transmissíveis, como infarto, derrame, doenças respiratórias, câncer e diabetes. Para evitar as 37 milhões de morte bastaria reduzir em 10% o consumo de álcool, em 30% o tabagismo e a ingestão de sódio e em 25% a pressão alta. Esses fatores de risco podem ser controlados com hábitos saudáveis de alimentação, exercícios físicos e acompanhamento médico preventivo.

COMENTE ESTA PUBLICAÇÃO

WhatsApp chat